terça-feira, 29 de novembro de 2011

Eunice Muñoz Condecorada



Eunice do Carmo Muñoz nasceu a 30 de Julho de 1928 em Amareleja. Nascida numa família de atores, onde se estreou nos palcos com apenas cinco anos na pequena companhia da família. No teatro estreou-se, em 1941, na peça Vendaval, no Teatro D. Maria II.
Eunice terminou o Conservatório Nacional de Teatro com 18 valores.
Atingiu a consagração como atriz dramática, em 1946, na peça "Frei Luís de Sousa". Estreou-se no cinema nesse mesmo ano, com o filme Camões de Leitão Barros, tendo ganho, por esta interpretação, o prémio do SNI – Secretariado Nacional de Informação.
Em 1991, celebra 50 anos no Teatro e é condecorada pelo então Presidente da República, Mário Soares. Dois anos depois estreia-se em novelas em A Banqueira do Povo, de Walter Avancini.
Em Maio de 2008 recebeu o Globo de Ouro de Mérito e Excelência.
Após 70 anos da sua primeira actuação no Teatro Nacional D. Maria II, Eunice Muñoz foi condecorada, esta segunda-feira, dia 28 de Novembro, pelo Presidente da República, Cavaco Silva, com a Grã-Cruz da Ordem Infante D. Henrique, a mais alta condecoração existente em Portugal. Neste mesmo dia a atriz, que já conta com oitenta e quatro anos, subiu ao palco para estrear a peça “O Cerco a Leningrado” de José Sanchis Sinisterra.

Abaixo, deixo inscrito todos os trabalhos da atriz. Uma grande senhora que merece todo o nosso Respeito e Agradecimento por tudo o que é e nos deu. Obrigada Eunice Muñoz.
Teatro
  • Vendaval (1941)
  • Raparigas Modernas (1942)
  • Riquezas da Sua Avó (1943)
  • Frei Luís de Sousa (1943)
  • Labirinto (1944)
  • A Portuguesa (1944)
  • João Ratão (1944)
  • A Casta Susana (1945)
  • Chuva de Filhos (1945)
  • Cuidado com a Bernarda! (1946)
  • A Noite de 16 de Janeiro (1947)
  • Outono em Flor (1949)
  • A Loja da Esquina (1951)
  • João da Lua (1952)
  • L’Alouette (1955)
  • Joana d'Arc (1956)
  • A Continuação da Comédia (1957)
  • Noite de Reis (1957)
  • Um Serão Nas Laranjeiras (1958)
  • Os Pássaros de Asas Cortadas (1959)
  • O Pomar das Cerejeiras (1960)
  • O Cão do Jardineiro (1961)
  • Três em Lua de Mel (1961)
  • Os Direitos da Mulher (1962)
  • A Dama das Camélias (1962)
  • O Milagre de Ann Sullivan (1963)
  • O Adorável Mentiroso (1963)
  • Mary, Mary (1964)
  • Recompensa (1964)
  • Os Anjos Não Dormem (1964)
  • Lições de Matrimónio (1965)
  • O Homem Que Fazia Chover (1965)
  • O Cão do Jardineiro (1965)
  • As Raposas (1966)
  • Verão e Fumo (1966)
  • Fedra (1967)
  • Édipo de Alfama (1967)
  • Deliciosamente Louca (1967)
  • O Ídolo (1967)
  • Oração (1969)
  • Os Dois Verdugos (1969)
  • Dois Num Baloiço (1970)
  • A Voz Humana (1970)
  • O Duelo (1971)
  • A Salvação do Mundo (1971)
  • As Criadas (1972)
  • A Maluquinha de Arroios (1974)
  • O Ser Sepulto (1976)
  • Os Amantes Pueris (1976)
  • Hamlet (1980)
  • Xarope de Orgiata (1981)
  • Portugal e os Seus Poetas (1981)
  • Gin Game (1982)
  • Play (1983)
  • As Memórias (1985)
  • Mãe Coragem e os Seus Filhos (1986)
  • Baton (1988)
  • Zerlina (1988)
  • Passa Por Mim no Rossio (1992)
  • O Tempo e o Quarto (1993)
  • O Caminho Para Meca (1994)
  • As Fúrias (1994)
  • Tordesilhas - O Sonho do Rei (1995)
  • As Troianas (1996)
  • A Maçon (1997)
  • Madame (2000)
  • A Casa do Lago (2001)
  • Miss Daisy (2006)
  • Dúvida (2007)
  • O Ano do Pensamento Mágico (2009)
  • O Comboio da Madrugada (2011)
  • O Cerco a Leningrado (2011/2012)

Cinema 

Televisão


    Fado Património Imaterial da Humanidade

    O fado foi considerado Património Imaterial da Humanidade, a decisão ocorreu no VI Comité Intergovernamental da Organização da ONU para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) realizado em Bali, Indonésia.

    O Presidente da República considerando-a como “motivo de orgulho para todos os portugueses”, afirmando que “A partir deste momento, o fado é reconhecido como um Património de toda a Humanidade, um valor inestimável no presente e uma herança cultural importante para as gerações futuras”.


    O antigo presidente da Câmara de Lisboa Pedro Santana Lopes lançou a ideia de candidatar o fado a Património Imaterial da Humanidade, em 2010, e escolheu os fadistas Mariza e Carlos do Carmo para embaixadores da candidatura. Uma ideia que levou seis anos a ser preparada.

    A candidatura foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Municipal de Lisboa no dia 12 de Maio de 2010 e apresentada publicamente na Assembleia Municipal, no dia 01 de Junho, tendo sido aclamada por todas as bancadas partidárias.

    No dia 28 de Junho de 2010, foi apresentada ao Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, e formalizada junto da Comissão Nacional da UNESCO. Em Agosto desse ano, deu entrada na sede da organização, em Paris.

    A candidatura portuguesa foi considerada como exemplar pelos peritos da UNESCO, tal como o Paraguai e Espanha.


    Nas fotos: 1ª e 2ª foto: Amália Rodrigues, a Rainha do Fado.  Na 3ª foto: Mariza, Fadista e embaixadora do fado como património imaterial da humanidade.                                        Na 4ªfoto Carlos do Carmo: Fadista e embaixadora do fado como património imaterial da humanidade.


    Para que possam admiram esta nossa cultura deixo aqui um minuscúla amostra do Nosso Fado...


    video

    Amália Rodrigues: "Amália"


    video

    Mariza: "Oh Gente da Minha Terra"

         

    quarta-feira, 23 de novembro de 2011

    Banco Alimentar Contra a Fome






    No próximo dia 26 e 27 decorrerá uma nova campanha do Banco Alimentar Contra a Fome... Não deixe de ajudar, seja voluntário ou contribua com alimentos... Neste momento tão dificil para todos vamos dar pouco a quem não tem nada... Participem...

    Para mais iformações deixo aqui o link do Banco Alimentar Contra a Fome.

    Fã beija perna de Britney

    O Rio de Janeiro recebeu calorosamente a Princesa da Pop no dia 15 deste mês. O espectáculo decorria como planeado, até que um dos momentos mais aguardados da noite chegou… Um dos fãs, escolhido ao acaso, sobe para o palco e recebe de Britney uma dança privada ao som de “Lace and Leather”. O fã é algemado e sentado num mini rosa. A surpresa surge quando Britney entrelaça as pernas no pescoço do fã, e este entusiasmado, beija a perna da cantora. A Princesinha, visivelmente incomodada, procurou alguma atitude dos seguranças ou dos bailarinos que não surgiu, nem se revelou necessário, tendo o resto do concerto decorrido normalmente. Confira o vídeo.

    video

    “Laços de Sangue” vence Emmy




    Ao que parece Portugal continua a dar frutos no que diz respeito a produções nacionais. Desta vez foi “Laços de Sangue” que venceu o Emmy para melhor novela. Após a vitória, do ano passado, de “Meu Amor”, da TVI, este ano a SIC estreou o pódio. Os protagonistas, Diana Chaves; Joana Santos; Diogo Morgado estiveram presentes na entrega do prémio e não conseguiram conter o orgulho da vitória conquistada. O Emmy foi entregue ao director de entretenimento internacional da Rede Globo, Guilherme Bokel, e ao director-geral da SIC, Luís Marques, uma vez que esta foi a primeira co-produção entre a Globo e a emissora portuguesa.



    A novela da SIC foi exibida entre Setembro de 2010 e Setembro de 2011, num total de 322 episódios, que contam a história de duas irmãs separadas em criança devido a um acidente, motivo pelo qual se desenvolve um ódio com sede de vingança da irmã mais nova da trama. Com um elenco de luxo e cenários bem portugueses, como o Minho, Lisboa, o Mercado da Ribeira, e Rio de Janeiro, este foi sem dúvida muitos dos motivos pelo tão merecido prémio.

    A novela nacional “Laços de Sangue” concorria com “Araguaia”, da Rede Globo, vista no nosso país e com uma excelente qualidade que é característica desta produtora, “Contra las Cuerdas”, da Argentina e “Precious Hearts”, das Filipinas.  

    Como espectadora assídua desta novela estou felicíssima por esta vitória… E que venham muitos mais…

    MEGA Sorteio: Aniversário de 1 ano do BLOG Pollyanna Maverick!



    Não vão querer perder este mega sorteio... E já agora muitos parabéns Pollyanna Maverick, e que este ano seja o primeiro de muitos com muito sucesso!!! Para participarem cliquem aqui o sorteio decorre até 19/12/2011.

    terça-feira, 22 de novembro de 2011

    39.ª edição dos American Music Awards


    No domingo passado decorreu no teatro Nokia de Los Angeles a 39ª Edição dos American Music Awards, tendo ficado marcada pelos três prémios arrecadados pela cantora country Taylor Swift. A cantora de 21 anos levou para casa os prémios: Artista do Ano, Artista Favorita de Música Country e Álbum Favorito de Música Country por "Speak now", para receber estes prémios a cantora apresentou-se, como sempre, muito elegante, num vestido dourado repleto de brilho.



    Adele, recentemente operada às cordas vocais, não estando, por isso, presente na cerimónia, arrecadou três prémios das quatro nomeações: Artista Favorita em Pop/Rock, Álbum Favorito em Pop/Rock com “21” e Artista Favorito Adulto Contemporâneo.

    Outro dos vencedores da noite foi Bruno Mars, que “venceu” Justin Bieber como Artista Favorito em Pop/Rock, para compensar a falta de premiação o menino bonito da pop/rock saltou para o palco para dançar ao lado de Pitt Bull e Marc Anthony na apresentação da música "Rain over me".

    Jennifer Lopez, que subiu por duas vezes a palco para mostrar a sua excelente forma, venceu o prémio de Artista Favorito de Música Latina. Beyoncé venceu o de Artista Favorita em Soul/R&B e nesta categoria Rihanna conquistou o prémio de Melhor Álbum, com «Loud».

    A homenageada da noite foi Katy Perry por ser a primeira mulher na história do pop music a conseguir cinco números na lista Billboard com canções do disco "Teenage Dream". Actuou durante a cerimónia com a música "The one that got away" inteiramente pink.

    A grande surpresa da noite foi Christina Aguilera que subiu ao palco com um brilhante vestido branco, muito justo, marcando as curvas volumosas da cantora.
     

    Veja a lista completa dos vencedores da 39ª Edição dos AMA:  
    Artista do Ano - Taylor Swift
    Artista Revelação - Hot Chelle Rae
    Cantor Favorito de Pop/Rock - Bruno Mars
    Cantora Favorita de Pop/Rock - Adele
    Banda Favorita de Pop/Rock - Maroon 5
    Álbum Favorito de Pop/Rock - Adele com "21"
    Cantor Favorito de Country - Blake Shelton
    Cantora Favorita de Country - Taylor Swift
    Banda Favorita de Country - Lady Antebellum
    Álbum Favorito de Country - Taylor Swift com "Speak Now"
    Artista Favorito de Rap/Hip Hop - Nicki Minaj
    Álbum Favorito de Rap/Hip Hop - Nicki Minaj com "Pink Friday"
    Cantora Favorita de R&B - Beyonce
    Cantor Favorito de R&B - Usher
    Álbum Favorito de R&B - Rihanna com "Loud"
    Artista Favorito de Rock Alternativo - Foo Fighters
    Artista Favorito de Música Adulta Contemporânea - Adele
    Artista Favorito de Música Latina - Jennifer Lopez